A via crucis que é procurar uma bota para uma mulher gorda

Por mais que eu me esforce em contribuir para o discurso de ouvirmos o outro, eu aprendi que é importante demais dar o lugar de fala a quem realmente vivencia inúmeras situações no dia a dia que passam desapercebidas pra várias pessoas. Eu já estava há tempos querendo enriquecer o discurso do blog com outros pontos de vista e, principalmente, reforçar que as causas de outras mulheres são as nossas causas também.

Por isso eu estou muito feliz em trazer a Mariana Rodrigues, do blog Aquela Mari, pra cá como colaboradora do HVAOFF, pra discutirmos mais sobre moda inclusiva não só quando se fala em economizar no dindin, mas em tamanhos para todas. O post de estreia da Mari, aliás, vai bem de encontro ao post do que te deixa frustrada, infelizmente.

No pique das coleções de inverno invadindo as araras, vemos também os sapatos fechados e botas, que tem como missão ajudar a manter nossos pés e pernas bem quentinhos durante os poucos meses frios no Brasil. Mas, tal qual as roupas, infelizmente as botas fazem parte das peças que não contemplam mulheres maiores. Se somos grandes nos seios, cintura, quadris ou coxas, é provável que algumas de nós tenhamos também canelas, tornozelos e pés mais grossos.

Calorenta que sou, não sou muito de usar botas, mas nos últimos anos perdi muitas sapatilhas por ser teimosa e usá-las em dia de chuva, e, ano passado, comprei uma botinha da Mr. Cat e outra da Moleca, na Leader, mas, antes rolou quase uma peregrinação até achar botas que ficassem minimamente confortáveis no meu tornozelo. No último fim de semana fui buscar um novo par para chamar de meu, mas, nas duas maiores lojas de fast fashion no Brasil, não consegui achar nenhuma peça interessante que me coubesse. Experimentei três modelos diferentes na Renner e um na C&A. Vamos às impressões:

Essa bota da Satinato apareceu no preview de inverno da Renner e foi sucesso. Nos apegamos mesmo ao glitter, e, que mal tem em colocarmos nas peças? Infelizmente a bota não é pra todos. Foi um sufoco pra calçar, e, obviamente ficou apertada, além do zíper não ter subido por completo.

bota-gorda-plus-size-hoje-vou-assim-off

Carregando a tendência do salto tratorado, essa bota também da Satinato chamou logo minha atenção por ser exatamente como eu estava procurando. As aplicações de estrelas dão um toque diferentão, mas sem deixar de ser versátil. Eu seria injusta se dissesse que não coube, mas, entrou com muita dificuldade e incomodou demais.

Deixando as botinhas de zíper de lado, busquei um coturno pensando que talvez fosse ser mais fácil. Ledo engano. Bati os olhos nesse preto, de vinil, da marca Cravo e Canela, e ela até entrou com uma facilidade maior que as outras – o que está bem longe de ser fácil ou confortável -, mas se eu fosse levar, teria que buscar cadarços maiores.

bota-gorda-plus-size-hoje-vou-assim-off-2

Na C&A, a experiência foi igualmente frustrante.

Nada na loja me fez suspirar, os calçados estavam todos meio genéricos. Foi quando avistei uma bota over the knee, meu sonho secreto no mundo da moda. Acho que a última que eu usei foi lá pelos anos 90, na onda das Paquitas. Depois de adulta, nunca mais consegui uma do meu tamanho, e, para provar o absurdo que são esses tamanhos, olhem só essas perninhas tristes por não entrarem nessa da Vizzano.

bota-gorda-plus-size-hoje-vou-assim-off-3

Não satisfeitas em nos excluírem das araras de roupas, querem nos privar de usar botas que sejam tendência. Além de pequenas nos tornozelos, todas as botas iam no máximo até o 38 na loja, deixando de lado quem veste numeração acima.

Vocês sabem onde podemos garimpar botas para pernocas grossas? Ou rola uma super identificação com o post? Conta aqui pra gente!

mari-rodrigues-hoje-vou-assim-offMariana Rodrigues
Carioca, 29 anos, gorda. Tagarela de carteirinha, fã de chá gelado e viciada em bons debates na internet. Apaixonada por moda e televisão, escreve sobre esses e outros assuntos também em seu blog aquelamari.com
Compartilhe nas redes sociais
pinterest: pinterest
tumblr:
google plus:

Minhas impressões Pat Pat’s para C&A

A pessoa aqui ficou tão atarantada semana passada com os ajustes finais do workshop + trabalho, que esqueceu de marcar na agenda o lançamento da Pat Pat’s para C&A! E que pena que eu esqueci, porque achei a coleção bem executada, viu?

Estava conversando com uma moça que trabalha na C&A e ela comentou algo muito certeiro “A coleção da Dress to era jovem demais, muito garota. A da Iódice era muito senhora, sóbria demais. Eu achei essa da Pat Pat’s o meio termo e por isso funcionou tão bem: é jovial, mas ainda é elegante, com comprimentos mais midi, por exemplo”. Gente, não é que ela tem razão?

Achei as peças bem atuais, mas a maioria dos comprimentos e materiais ajudavam a manter a elegância sem perder a modernidade. Tem jaqueta oversized (largonas),  jaqueta com bordado, grafite, metalizados, franjas, mas eu vi unidade entre as peças.

pat-pats-cea-hoje-vou-assim-off-7
Vestido de mangas midi justinho com letras em grafite PB

Esse vestido (R$149,90) me surpreendeu no corpo: vestiu bem e o zíper traseiro tinha uma cordinha pra ajudar a puxá-lo, achei isso ótimo (levanta a mão quem já pediu ajuda até pro porteiro, hahaha), gostei também da golinha. Esse era o último da loja e só tinha o tam G – isso eu achei tenso, o G ficou ótimo em mim, só um pouco largo na cava da manga e nas costas. É de malha e tem elastano, mas mesmo assim…imagina quem realmente é tamanho G?

Aliás, poxa, já não passou da hora de incluírem tamanhos maiores na grade das coleções?

Toda coleção tem uma saia em PU (R$169,90), rs, mas eu também gostei dessa, com cintura mais alta e comprimento midi. Vestiu bem e achei elegante – só a camiseta que achei dispensável, bem normalzinha.

pat-pats-cea-hoje-vou-assim-off

A jaquetona jeans! Ela é bemmmmmmmm oversized mesmo, com mangonas e comprida, então fez mais sentido ao ser usada sobrepondo o look, do que exatamente no corpo (eu puxaria as mangas, claro, mas deixei assim pra vocês verem). Achei grandona demais pra mim, mas ainda assim é bonita.

pat-pats-cea-hoje-vou-assim-off-3

A jaqueta prata de PU com ranhuras era lindinha! Achei que vestiu bem e o metalizado ficou sofisticado mais fosco, o que a torna mais usável também pro dia a dia. Carinha: R$289,90.

pat-pats-cea-hoje-vou-assim-off-2

Eu AMEI essa jaqueta black jeans, e mesmo não sendo fã de bordados, eu adorei esse! Tem rosas, mas as cores nesse azul e bege mais sóbrios deixaram a peça bem madura, longe de ser menininha. Só que é CARÍSSIMA: R$350!!!!!!!! Gente!

pat-pats-cea-hoje-vou-assim-off-5

pat-pats-cea-hoje-vou-assim-off-6

Eu também achei o vestido de sued bem bonito: vestiu super bem, adoro esse tipo de decote que valoriza meu colo e mini ombros. Achei uma peça diferente do que costumamos ver nas coleções (franjas não são novidade, mas enfim), eu só colocaria um zíper traseiro menos grosso (esqueci de fotografar, mas tem a foto no site). Tinha também em vinho e caramelo, só o preço que eu também achei salgado, R$269,99!

pat-pats-cea-hoje-vou-assim-off-4

Bom, essa saia (R$169,99) eu não gostei, rs. As franjas embolaram no meu pé na hora de vestir, continuaram emboladas depois, sei lá, muita função pra uma saia de sued. Ah, no lado tem um detalhe das jaquetas que eu curti: todas tem essa etiqueta costurada internamente, pra colocarmos nome e contato, caso sejam esquecidas e encontradas por uma boa alma…

pat-pats-cea-hoje-vou-assim-off-8

Algo que fez toda a diferença para as peças no corpo: esse é o verso delas, todo nesse tecido tipo sued, que deixa uma textura gostosa na pele. Você se sente bem vestindo a roupa, achei que isso foi uma boa sacada e já mostra que, mesmo sendo mais caro, pelo menos se preocuparam em apresentar algo melhor.

pat-pats-cea-hoje-vou-assim-off-9

Não consegui ter tempo pra provar tudo e também porque muitas coisas já estavam esgotadas, mas no geral achei uma coleção interessante, coesa, com peças bem acabadas e com detalhes modernos. No site ainda tem bastante coisa, para quem se interessar. 😉

Vocês foram conferir? O que acharam?

Compartilhe nas redes sociais
pinterest: pinterest
tumblr:
google plus:

Como foi o Workshop Conheça suas cores RJ!

Eu sempre gosto de falar dos meus workshops aqui. Não só como promoção do meu trabalho, mas porque eu tenho um super orgulho cada vez que consigo realizar por conta própria, com muito material e conteúdo, sempre batendo na tecla do autoconhecimento.

Passei as semanas enlouquecida, reunindo ideias, pensando se devia ou não devo arriscar, como seria a receptividade…resolvi, por fim, me jogar. Em apenas um dia as vagas se esgotaram e eu fiquei com o coração pulando forte. Vocês que me acompanham são tão maravilhosas, que eu nem sei descrever. Se hoje eu tô tão realizada, peguem os créditos, eles também pertencem a vocês! <3

workshop-cores-hoje-vou-assim-off-ana-soares-turma-rj
Belezura de turma colorida!

No início eu apresento a libertação que é ampliarmos o nosso olhar para tentarmos sair do lugar comum, arriscarmos novas coordenações (mesmo que sejam mais sóbrias!) e entendermos a diferença que faz perceber as cores que mais te valorizam. E também como podemos burlar isso tudo e usar aquelas que amamos, mas não estão ali no topo das mais bacanudas pra gente, hehe!

workshop-cores-hoje-vou-assim-off-ana-soares

Todo mundo saiu do curso com a sua cartelinha de cores pessoal e olhem que nem sempre a descoberta das cores é algo fácil para a cliente – principalmente quando estamos muito viciadas em alguma, como o preto, por ex., que é uma “cor” que não combina com todo mundo.

É um processo que pede um olhar mais atento na hora das escolhas, de perceber melhor o que se tem no armário, no estojo de maquiagem e ir aplicando e sentindo esse novo olhar sobre si mesma. 🙂

workshop-cores-hoje-vou-assim-off-ana-soares-3
Demonstrando como é feita a análise

Por isso foi tão legal descobrir as cartelas de cada uma, direcionar o olhar sobre a melhor maneira de se aproveitar o que se tem, entender que guarda-roupa é uma construção que demanda tempo e atenção. E como cor é o elemento que é percebido primeiro pelo olhar, começar por ele como direção certeira para nossas escolhas é praticamente meio caminho andado. 🙂

Depois de vários exemplos e muita teoria, fomos pra prática e partimos pro teste dos batons! Fizemos testes como esse aí da foto, passando o batom nos dedos para colocar em frente à boca e perceber os que ficavam mais integrados às cores e contrastes de cada uma. Sabe aquele batom que você não consegue usar de jeito nenhum? Pois é, esse teste pode te ajudar a perceber se ele fica harmônico com suas cores ou se está deslocado demais. 🙂

workshop-cores-hoje-vou-assim-off-ana-soares-2
Será que esse batom combina com as cores dela?

Foi incrível e eu quero creditar também o empenho das moças aí da foto, que fazem parte da equipe do blog: Adriana, que cuida de toda a parte gráfica e durante os eventos faz as postagens nas redes sociais; e Manu Antunes, minha ex-aluna que é agora a minha assistente de consultoria de estilo!

workshop-cores-hoje-vou-assim-off-ana-soares-4

Se você mora em São Paulo, ainda temos algumas vagas pro Workshop Conheça suas cores, no sábado, dia 8 de abril! A turma é reduzida pra todo mundo receber a devida atenção, então te espero pra gente continuar esse bate papo maravilhoso sobre toda essa sorte de cores que existem no mundo e que habitam em você. 🙂

flyer_cores_hvao_SP

Compartilhe nas redes sociais
pinterest: pinterest
tumblr:
google plus:

Básico não tão básico da liqui!

Último look dessa série da Mega Liqui da Leader! Como eu gosto de ficar bem à vontade no domingo, escolhi peças básicas e confortáveis, dessas que nunca têm erro: a calça jeans estilo mom jeans tem uma cor linda e sai a ótimos R$39,99. Aliás, essa liquidação está ótima para quem adora peças em jeans, todas tem uma boa qualidade e estão com um bom custo x benefício!

ana-soares-leader-hoje-vou-assim-off-12

Eu fiquei cho-ca-da quando avistei esse oxford plataforma! Gente, amei essa versão da Moleca, olha só como a marca está ousada e atualizada! Assim eu complementei o look para o básico ficar não tão básico, com informação de moda e dando um pouco da minha personalidade ao combo jeans + camiseta. 🙂

ana-soares-leader-hoje-vou-assim-off-10

ana-soares-leader-hoje-vou-assim-off-1

ana-soares-leader-hoje-vou-assim-off-11

Calça jeans na Mega Liqui Leader – 39,99
Camiseta Leader – 29,99
Maxi cardigan Leader – 59,99
Oxford Moleca na Leader – 119,99

Moda tem que ser pra todos e podemos e devemos fazer boas escolhas mesmo quando a grana tá curta, não é? Daqui a alguns dias eu volto com mais achadinhos e mais 3 looks com as pechinchas que encontrei por lá! 🙂

Compartilhe nas redes sociais
pinterest: pinterest
tumblr:
google plus: