Onça como curinga

Teve uma época que usar estampa de oncinha tava super em alta: todo mundo desfilava a sua com uma calça vinho, de preferência, hahaha! Associada a uma peruíce, a pobre ficou estigmatizada como padronagem de estilo sexy e – infelizmente – quase sempre associado ao vulgar.

Já falei que odeio essa referência sobre vulgaridade quando se fala de estilo? Até porque esse termo só é usado para mulheres, reparem.

O que quero trazer aqui é esse exercício sobre sairmos um pouco dessa associação para enxergarmos que existem também formas e peças diferentes para cada estampa de acordo com o estilo da gente. Por exemplo, eu não usaria um casaco de onça, mas adoro nos acessórios. Assim como poás; não amo em blusas com estilo romântico, gola peter pan redondinha e laços, mas curto muito numa camisa mais estruturada.

Fato é que oncinha coordena com todas as cores e estampas que temos, porque basicamente é composta por cores neutras: marrons, preto, branco. Por isso ela é tão curinga e versátil. 🙂

look-oncinha-ana-soares

Blusa Andrea Marques comprada no enjoei

E aí todo mundo pode achar uma onça (roaaarrrrr) pra chamar de sua: gosto dessa da blusa acima, com as pintas maiores, bem gráficas, mais espaçadas, com o fundo branco ocupando maior parte, já que marrom não é lá uma cor que me favoreça muito, daí o fundo, num tom bacana pra mim, ameniza!

Mas minha forma preferida de usar a estampa felina é nos acessórios e sapatos: cintos, bolsas e sapatos.

Separei alguns looks antigos para exemplificar melhor sua versatilidade: nesse aí tem uma mistura entre estampas, lenço e scarpin, mas que não é tão marcante por conta da distância entre as peças, usadas também numa produção mais neutra.

look-oncinha-ana-soares-2

Esse aqui já mostra melhor como ela casa bem com outras cores/estampas, coordenada com a calça azulona. Imagina só se eu tivesse optado por um sapato tom de pele ou qualquer outra coisinha mais discreta, que pouca interessância esse look teria.

look-oncinha-ana-soares-4

De novo naquela blusa, só que seguindo mais meu estilo, com casaco estruturado, alfaiataria e sapato pesado. Desassociei completamente a estampa daquele ar sexy que muita gente enxerga nela. O barato reside também nas composições que criamos de acordo com o que curtimos usar.

casaco-inverno-hoje-vou-assim-off-2

Mais uma amostragem do que a danada é capaz, de mostrar que seu protagonismo não interfere em nada numa produção mais arrumada ou com necessidade de adequação ao ambiente. Coordenada com listras – outro padrão bem curinga – corroborada pela saia estruturada e de comprimento midi, elegante. E olhem que essa blusa nem é de grandes qualidade, mas a saia e os acessórios ajudam a equilibrar a mensagem de estilo.

look-oncinha-ana-soares-3

Look meeeeeeega antigo, de 2012, que mostra também o equilíbrio das mensagens com um sapato de inspiração masculina, como o mocassim. Essa proposta torna a peça mais funcional e, ainda por cima, super prática.

281120112

Para vestirmos/usarmos oncinha não precisa necessariamente associá-la a um vestido colado no corpo ou saltos altos, sabem? E tudo bem e tudo lindo para quem ama e se joga nessa proposta, mas o lance aqui também é desmistificar alguns estigmas que criamos quando falamos de certas peças e estampas.

Detalhes que ajudem a incorporar outras maneiras de transmitir essa proposta de criatividade, muito para olharmos alguns dos nossos looks com um novo olhar, sem medo de experimentar, sem essa de entender que o básico se resume a peças no tom da pele, marrom e preto lisas.

Clareei as ideias? Quem aí já animou de arriscar composições e se jogar na selvagem que habita seu armário? 🙂

Compartilhe nas redes sociais
pinterest: pinterest
tumblr:
google plus:

Comente pelo Facebook

Comentários pelo blog

11 comentários

  1. Dri comentou:

    E eu tenho uma blusa meio romantiquinha, que só consigo usar porque é estruturada e de onça!
    Num jeans + camisa + sapato de onça + óculos escuros pra mim é o máximo!

  2. Marcia Lo Fiego comentou:

    Amei esse último look, tem muito a ver comigo! Eu me pergunto se só você faz esses super achados no enjoei, entro lá e não vejo nada de tão legal, ou quando é legal acho muito caro…

    1. Ana Carolina respondeu Marcia Lo Fiego

      às vezes eu dou sorte, hahaha

  3. Lídia comentou:

    eu aaamo onça! mas só tenho um cinto.. 🙁 tô doida com um sapato, acho mara!

  4. Ticiana comentou:

    Post perfeito!

  5. Bruna Bortolatto Rizzieri comentou:

    Ana, curto muito essa proposta que tu trouxe a respeito da estampa de onça. Tenho uma calça estilo “pijama”, mesmo corte dessa tua azul, na estampa de onça. E acho o máximo essa quebra de paradigmas, bem afrontosa mesmo kkkkk. Agora estou a procura de um tênis bonito de onça. Acho que vou conseguir compor bem inclusive com calça de alfaiataria,

  6. ARIANA MELO comentou:

    Engraçado que eu não associo oncinha a coisas sexys, acho que pq desde sempre eu gosto da estampa. Mas, como você, prefiro usá-la nos acessórios. Amo cinto de oncinha, ou sapatos… Uso sempre! =*

  7. Thais comentou:

    Nunca tive nada de oncinha, aí te vejo usar e penso que é possível! hahahaah

    Mas amei mesmo foi esse mind blowing aqui:

    Já falei que odeio essa referência sobre vulgaridade quando se fala de estilo? Até porque esse termo só é usado para mulheres, reparem.

    TUDO VERDADE!

    Beijos

    1. Ana Carolina respondeu Thais

      Não é? Sempre me incomodou associarmos esse termo ao feminino! 🙂

  8. Biessa comentou:

    Eu adoro meu tênis slip on de onça! É pratico, estilosinho e vai com tudo. Saia calça vestido shirt… amo. Sou fã da onça, pra mim é neutro 🙂

  9. Isabel comentou:

    Não gosto de oncinha, nem de estampa de bicho em geral. Mas amei a bolsa preta! De onde é?