Guia do shortinho para gordas – Soltem suas pernas!

Com as coleções de verão pipocando pelas marcas e o inverno se despedindo, vai chegando a época de abusar da minha peça de roupa favorita: o short. Considerado item “obrigatório” no verão (lembrem-se, ninguém é obrigado a nada),  shortinho era peça raríssima em marcas plus size até algum tempo atrás. Até vendiam com a nomenclatura de short, mas o corte e o tamanho denunciavam: era apenas uma bermuda.

Há algumas vi um comentário aqui no blog em uma das minhas postagens que me deixou muito feliz. Uma leitora disse que depois que eu comecei a escrever por aqui, ela perdeu a vergonha de usar shorts em público, deixar as pernas à mostra. Fiquei super feliz e emocionada, porque ajudar, mesmo que indiretamente uma mulher a se livrar dessas amarras da moda – canso de ler/ouvir que short curto em quem tem coxas grossas fica “vulgar” – é maravilhoso.

Leadermaga

Perco as contas de quantas vezes eu desejei shortinhos que não ficassem arrochados no meu quadril e nas minhas coxas. Shorts jeans, de brim, em corte alfaiataria, pra malhar… eu tenho tantos, que se deixar, só uso o combo short  e t-shirt, não importa a ocasião ou o evento. Como eu sou baixinha, o tamanho 54 geralmente fica certinho nos quadris e coxas e grande no comprimento de bermuda. Sou uma ‘pirigorda’ assumida e minhas peças sempre vão pra costureira antes do primeiro uso. Tenho uma tatuagem bem grande na coxa e adoro mostrá-la quando tô de short, afinal, não senti dor pra escondê-la, né?

Em uma das primeiras vezes que estive em São Paulo depois de adulta, minhas amigas riram da minha cara quando eu disse que iria de short ao shopping – e daí eu consegui entender porque as pessoas me olhavam tanto quando passeei na Paulista em plena quinta-feira usando short, blusinha e chinelo de dedo, haha. Aqui no Rio é super comum vermos mulheres de short, mesmo nos bairros mais afastados das praia. Vamos ao shopping, a restaurantes e até pra night rola usar shortinho!

Clamarroca Plus

Se você também for gorda e tiver receio de usar short e ficar com as coxas assadas, anota aí o pulo do gato: é só aplicar o talco em creme, da Granado, antes de bater perna por aí. É tiro e queda, suas pernas não ficam “melecadas” nem ardendo depois.

Jeans

O básico que a gente ama! Uso pra ir da praia à balada, passando por um almoço de domingo na casa da sogra. Pode ter várias lavagens, cortes e modelos. Onde encontrar: Leader Magazine, Marisa, Alley Blue, Clamarroca Plus

Leader

Boxer

São aqueles shorts com elástico no cós e corte bem soltinho nas coxas, que lembra short de boxeador – daí o nome! Acho um charme, os meus praticamente saem sozinhos! Você encontra na Chica Bolacha e na Posthaus, ambas all sizes!

Amaryllis plus size

Alfaiataria

Esses não fazem muito o meu estilo, tenho somente um. São peças com tecidos mais estruturados, cortes mais retos e padronagem clássicas. O meu é um short-saia branco, é um dos meus itens favoritos do guarda-roupas (falarei dele ali embaixo) e comprei em uma loja virtual que nem existe mais. A Ashua lançou um nesse modelo em sua coleção de primavera-verão.

Variados
Em malha, cirrê ou brim, esses shortinhos são excelentes para o dia a dia e alguns até te deixam pronta para a noite, dependendo da combinação usada. Você encontra modelos diversos na NaBeca Tamanhos Reais, Amaryllis Moda Plus e também no Ateliê Michelli Warmelling.

NaBeca

E como aqui eu mato a cobra e mostro o pau, eis a prova do meu amor pela praticidade de um short (nesse caso, short-saia). Usei esse ontem para oficializar meu casamento no cartório, com uma blusinha off-white e meu casaco de pelúcia – paixão que vai durar bem mais que um inverno. Se uma noiva gorda já causa estranheza em muita gente, imagina casando de short… e quem disse que eu ligo?

Shortsaia casamento

mari-rodrigues-hoje-vou-assim-offMariana Rodrigues
Carioca, 30 anos, gorda. Tagarela de carteirinha, fã de chá gelado e viciada em bons debates na internet. Apaixonada por moda e televisão, escreve sobre esses e outros assuntos também em seu blog aquelamari.com
Compartilhe nas redes sociais
pinterest: pinterest
tumblr:
google plus:

Comente pelo Facebook

Comentários pelo blog

9 comentários

  1. Milena comentou:

    Tá certíssima! Parabéns pelo casório e por não deixar que ninguém dite regras pra você! Temos que agir mais assim! =D bjs

  2. Ana comentou:

    Parabéns por tudo! O importante é ser feliz!

  3. Dri comentou:

    Adorei essa “roupa de noiva”!

  4. Tina comentou:

    Mari,
    otima a dica do talco em creme, vou procurar 😉
    Outra coisa: vc deu dicas otimas sobre marcas de lingeries mas gostaria que desse dicas sobre como comprá-las. Engordei 15 Kg em 4 anos e estou muito mal, perdida pois não sei ainda como me entender com esse “novo” corpo.
    Não sei o que estou fazendo de errado, mas os sutiãs não param nas costas, o elástico sobe quase até a nuca. Tento comprar essas calcinhas para modelar o corpo e o resultado é horrível, fica pulando gordura na coxa e a cintura alta se enrola toda até abaixo do umbigo. Heeelp!

    1. Sabrina respondeu Tina

      Você precisa de sutiã com tamanho diferente pras costas e pro bojo. Tem algumas marcas que tem. De momento me lembro da Liz. Procura lá.

  5. Denise comentou:

    Meninas, pra proteger a coxa de assadura, usem o creme “Zero Atrito” da Safe Runners. Comprei na internet. É super eficiente e não aparece na pele.

    Beijos

  6. Cris comentou:

    Adorei tudo mas seu look do casório ganhou meu coração disparaaaadooooo!!!!!!!! Bjks

  7. fabiana comentou:

    que linda! 🙂

  8. Lília Patrícia comentou:

    Onde fica a fábrica da RIGY