Meus preferidos – e os piores – de 2016!

Como boa pisciana eu sou mega esquecida, por isso faço o esforço de realizar uma retrospectiva não só do ano, mas também do meu vestir e das coisas que fizeram meu olho brilhar. Fazer esse balanço é legal para compreendermos mais sobre nosso estilo e o que valeu a pena ter investido, principalmente para ganharmos mais percepção sobre o nosso corpo e nossos gostos, além dos nossos feitos, por menores que possam parecer. 🙂

Esse ano, sem dúvida, foi o pulo do gato na definição do meu estilo pessoal, o que só reforça que estilo é uma construção lenta, que demanda tempo e dedicação. Apesar de ter entrado num momento baixo astral por um período, odiando tudo o que eu usava e me sentindo aquém do que eu poderia criar, quando finalmente botei a cabeça no lugar, percebi que foi na verdade o que mais fluiu com minhas escolhas e o que mais me senti à vontade com as minhas roupas. Em 2016 eu me vesti super rápido e gostava dos resultados, principalmente por ter entendido melhor o que funcionava de verdade pra mim e por ter organizado meu armário.

Vamos aos meus melhores – e piores – de 2016? hahahaha

Qual foi a sua palavra chave desse ano?

Conforto.

Eu sou do tipo que não liga pra conforto, mesmo: o importante era o estilo da roupa. O sapato podia estar apertando, a calça deixando sem respirar, mas eu seguia firme. Só que esse ano eu engordei um pouco e preferi tudo mais soltinho, não só pra desviar a atenção, mas porque começou real a me incomodar ter a barriga pressionada e, pô, nada a ver não querer ficar à vontade (além do que, paguei vários micos esse ano abrindo a calça ao sentar nos lugares e saindo com ela assim haahahah).

conforto-hvaoff
look que usei numa campanha que mostra bem a prioridade conforto

Comecei a usar as formas amplas e mais arquitetônicas que eu amo tanto, como calças pantacourt e super pantalonas, saias midi e vestidos mais retos e fui bem feliz!

O que surpreendeu?

Eu ter preferido usar mais peças lisas e geométricas do que estampadas. Aliás, de cores mesmo foram pouquíssimas, mais as da minha cartela, como azuis e roxos. Esse ano acho que fui mais sóbria – exceto pelo meu armário cápsula –, com alguns pontos de cor aqui e ali, mas talvez no verão eu volte a abusar de cores mais coloridas, só que com poucas estampas e mais peças com design interessante.

cos-hoje-vou-assim-off-6

E, acreditem se quiser: a maioria foram os looks que eu não fotografei pro blog!

O que eu mais usei?

Listras com estampa, na verdade minha peça preferida e salvadora do ano foi meu blazer de seda amarelo, que se mostrou uma opção maravilhosa para me sentir lindona nas entrevistas/workshops/cursos/programas de TV (ele apareceu absolutamente em todos os que eu fui, JURO).

captura-de-tela-2016-11-07-as-11-38-46

Sapato preferido

Confesso que to amando essa onda dos metalizados porque eu sempre fui fã, então meu preferidão foi esse da Inbox Shoes: eu queria um sapato pesado e com presença e por isso eu usei ele demais, até na minha viagem!

sapato-inverno-hoje-vou-assim-off-4

Acessório mais usado

Sem sombra de dúvidas, meu brincão da Luiza Dias 111. Onde eu usei esse desgramado (hahah), o bichinho arrancou elogios – aliás, eu viciei e ele foi minha escolha em praticamente 90% dos looks desse ano! Aliás, em 2016 eu fui mais do time dos brincões do que colares.

brinco-luiza-dias-hvaoff

brinco-luiza-hvaoff
Só deu ele nos looks de 2016!
Pior tendência

Essa que tem recortes laterais em tudo: blusas, vestidos, maiôs e macacões. Sério, pra queeeeeeeeeeeeeeeeee essa necessidade de nos obrigar a botar os bacon tudo pra jogo, minha gente?

Melhor coleção especial

A da Joulik para C&A, apesar da modelagem pequena!

Postagem do blog que mais gostou de fazer

Sobre meu armário cápsula colorido e estampado, para desmistificar essa história que só são coordenáveis os armários com roupas lisas e clássicas; a série em que mostro como podemos mudar a cara dos nossos looks básicos com apenas alguns detalhes, como dobrar a barra da calça e puxar as manguinhas. 🙂

 

E vocês? O que mais gostaram de usar e o que menos gostaram desse ano?

Compartilhe nas redes sociais
pinterest: pinterest
tumblr:
google plus:

Comente pelo Facebook

Comentários pelo blog

17 comentários

  1. “PIOR TENDÊNCIA – Essa que tem recortes laterais em tudo: blusas, vestidos, maiôs e macacões. Sério, pra queeeeeeeeeeeeeeeeee essa necessidade de nos obrigar a botar os bacon tudo pra jogo, minha gente?” kkkkkkkkkkkkkkkkk Concordo com você em gênero, número e grau porque, além dos bacon tudo, tem o corte: se vi 3 em 10 cortes que servissem e fossem bem acabados, foi muito! E o que mais curti: liberar geral meus paetês e todos os balangandãs juntos e misturados! Bjs e SUPER FESTAS pra vc e toda a nossa turma daqui.

    1. Gisele Moura respondeu Cris Cardoso

      Quando eu enfim desapeguei do meu maiô vintage da Companhia Marítima… Moda para musa de instagram que pesa 10 kilos a menos do que aparenta a foto!

  2. Leticia Ribeiro comentou:

    Saia midi . A peça do ano para mim. Adoro e vou usar para sempre.

  3. Zélia comentou:

    Como você, priorizo o conforto. Comprei uma pantacourt (tive medo de não bancar) e simplesmente amei! Não consigo tirar, mesmo sendo manequim plus size. Em calçados os slips me ganharam, mas, não resisti aos oxford (só não banco o metalizado como você rsrsr) – um marinho e um nude (que me conquistou!)
    Ah, uma coisa bacana (eu achei): mesmo plus size eu encarei alguns top cropeed maiorzinhos e confesso que gostei muito…

    Abçs a você! Sucesso sempre!!!!

    1. Maria Elena respondeu Zélia

      Zélia!
      Plus ou não o que importa é o amor próprio e coerência na hora de se vestir!
      Se joga no que te faz bem e te deixa bonita mulher!

      Abraço!

  4. Maria Elena comentou:

    Oi Ana!

    Super concordo que o conforto é o essencial. Estando confortável (não relaxada!) a gente se sente mais bonita e segura.
    Quanto aos looks aprendi a usar mais cores, listas e estampas através do blog e dos seus conselhos.
    Amo o seu trabalho! Sucesso sempre!
    Feliz Natal e um 2017 de muita inspiração!
    Abraço!

  5. Fernanda da Silveira Magalhães comentou:

    ana, de onde é o vestido amplo?

    1. Ana Carolina respondeu Fernanda da Silveira Magalhães

      da Mocha!

  6. Oi Ana, adoooro os seus looks, ousados e alegres, há muito tempo acompanho seu blog! Que 2017 seja um ano de mais sucesso pra você, vc merece muito.
    Fiz um blog pra compartilhar a experiência de estar vivendo 8 meses sem comprar roupas, dá uma passadinha lá:
    vivendosemroupanova.wordpress.com

  7. Andrea Portella comentou:

    Ana, uma das coisas mais legais desse ano (chato) foi fazer a consultoria de cores com você e o workshop com você e a Thaís. Ainda estou absorvendo as informações por falta de tempo para me organizar de uma vez, mas isso foi divisor de águas para mim. Agradeço muito e desejo que mais pessoas tenham essa experiência libertadora <3

    1. Ana Carolina respondeu Andrea Portella

      Gratidão, Andrea! Obrigada por estar conosco esse ano!

  8. Rose B. comentou:

    Esse ano Aninha, também percebi muitos dos seus looks com tênis branco. E esse ano aprendi a viver com pouca roupa, como estou gestante de 9 meses no momento, praticamente passei o ano grávida. Aprendi a mudar minhas roupas com acessórios! Feliz 2017 e felicidades!

  9. Bruna comentou:

    Pantacourt foi campeã no meu armário! Eu já achava que ia abraçar a ideia, mas foi muito melhor do que eu esperava, super confortável, fresca e arrumadinha ao mesmo tempo. Pior tendencia: cropped. Não o cropped em si, mas parecia que TODA a roupa disponível nas lojas era cropped! haha Muito sucesso pra você em 2017!!!

  10. Shamya comentou:

    Aninha, deixa eu te contar um “causo”. Dia 23/12 fui convidada para uma festa natalina, dessas chics, que aconteceria dia 24/12. Desespero imediato. Pensei: não tenho roupa. Preciso ir no shopping agora comprar alguma coisa. Fui. Me arrependi. Mas te agradeci o tempo todo que experimentava cada peça. Se não fossem todos os teus posts que li e que me ajudaram a repensar o meu consumo de roupas, com ctz teria comprado alguma das peças que experimentei. Foi uma alívio quando cheguei em casa de mãos vazias. Fiquei feliz comigo mesma. Apesar de ainda ter tido a atitude de ir ao shopping, lá cada peça que eu olhava era uma reflexão: preciso mesmo disso? vale a pena?
    E foi aí com esse alívio, que abri meu armário, procurei com calma nas peças que já estavam por lá, e percebi que sim, eu tinha roupa para ir à festa. Estou me curando!!!! kkkkkk
    MUITA OBRIGADA!!! Só tenho a te agradecer. Te desejo um 2017 bem maravilhoso, cheio de saúde e muitas alegrias!!!! Estarei juntinha aqui contigo no próximo ano. Bjusss

  11. MARIA LUIZA comentou:

    Gosto bastante das postagens, mas esse dos looks básicos pra mim foi tuuuudo.

    Se vc puder indicar mais lojas com básicos a preços legais (amo a básico.com, mas está acima das minhas possibilidades) eu ficarei imensamente feliz e agradecida kkkk

    Feliz 2017!! Muito amor, paz e LEVEZA!

  12. Esse ano, ou melhor o ano que passou, foi maravilhoso om relação aos meus looks do dia, primeiro porque eu emagreci e aí tudo ficava bom, ou quase tudo, kkk, segundo porque achei uns perfis no insta que elaboram uns desafios semanais que são simplesmente mágicos, sério, consigo fazer combinações incríveis com o que eu já tenho baseado nos desafios bolados pelas instabloggers , o que eu menos gostei foi que moro num lugar muuuito frio, SC, e para o inverno temos poucas opções de calçados quentinhos, então sofri um pouco até porque estou meio sem comprar, aí tive que me virar com o que eu tinha, mais até que foi divertido